Jornalismo de Verdade
Expectativa

TRE marca julgamento de Carmelita Castro para a próxima segunda 11

Prefeita de São Raimundo Nonato e correligionários estão com a cabeça na guilhotina e podem ter cassação mantidas

Jornalismo de Verdade

Jornalismo de VerdadeANDRÉ PESSOA Fotojornalista pernambucano especializado em reportagens ambientais. Tem trabalhos publicados em exposições, catálogos de arte, livros, emissoras de televisão, jornais, revistas e plataformas digitais no Brasil e no exterior. Já esteve documentando a natureza, a cultura e a história de países como a Polônia, Grécia, Costa Rica, Espanha, Holanda, França, México, Alemanha, África do Sul, Turquia, Egito, Panamá, República Tcheca, Bélgica, Jordânia, EUA, Cuba, Itália, entre outros.

06/05/2020 12h44Atualizado há 4 semanas
Por: André Pessoa
Fonte: André Pessoa
500
Carmelita Castro e do seu marido Hélio Isaías (Imagem: Política Dinâmica)
Carmelita Castro e do seu marido Hélio Isaías (Imagem: Política Dinâmica)

Finalmente o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), marcou a continuação do julgamento da prefeita de São Raimundo Nonato (525 km de Teresina), Carmelita de Castro Silva (Progressistas), e correligionários, para a próxima segunda-feira (11) maio. 

A sessão pode manter a cassação da gestora e seus aliados, mas também existe a possibilidade de um novo pedido de vista e adiamento do julgamento como já aconteceu, pelo menos, uma dezena de vezes, tanto por chicanas da defesa como através de pedidos de vista - quando um magistrado alega que necessita de um prazo maior para estudar o processo. 

O julgamento estava 1x0 contra o grupo político de Carmelita Castro quando foi adiado por um pedido de vista. Hoje, analisando a movimentação virtual do processo, é possível perceber que existem novidades desagradáveis para a defesa. O Relator do processo, magistrado Charlles Max, juntou ao caso um anexo rebatendo, ponto por ponto, os argumentos dos advogados de defesa após a leitura do seu relatório. Ele ainda solicitou a retirada do processo das falas do advogado Norberto Campelo, pois alega que ele o chamou praticamente de mentiroso, mas tudo relatado no processo foi através das provas. 

A situação de Carmelita Castro e do seu marido Hélio Isaías, atual deputado estadual pelo Progressistas e, na época do caso, secretário da Defesa Civil do Piauí, é extremamente delicada. No processo, Hélio Isaías é acusado de ser o principal autor das irregularidades que levaram a sua esposa a ser vitoriosa nas eleições municipais em 2016.

O grupo é acusado de uma série de crimes eleitorais como abuso de poder econômico e político,  além de outras irregularidades. O Ministério Público Eleitoral pediu a manutenção da cassação do grupo político, em especial da prefeita de São Raimundo Nonato e a suspensão por 8 anos dos direitos políticos de todos os envolvidos no caso.

Pauta de agendamento de julgamento com data para 11/05/2020:

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.