Jornalismo de Verdade
Lição de Vida

Família de mulheres se dedica integralmente ao combate da pandemia no semiárido nordestino

Quatro profissionais da saúde em defesa da vida trabalham na cidade que abriga a famosa Serra da Capivara

Jornalismo de Verdade

Jornalismo de VerdadeANDRÉ PESSOA Fotojornalista pernambucano especializado em reportagens ambientais. Tem trabalhos publicados em exposições, catálogos de arte, livros, emissoras de televisão, jornais, revistas e plataformas digitais no Brasil e no exterior. Já esteve documentando a natureza, a cultura e a história de países como a Polônia, Grécia, Costa Rica, Espanha, Holanda, França, México, Alemanha, África do Sul, Turquia, Egito, Panamá, República Tcheca, Bélgica, Jordânia, EUA, Cuba, Itália, entre outros.

02/05/2020 21h26Atualizado há 4 semanas
Por: André Pessoa
Fonte: André Pessoa
1.477
Família de mulheres guerreiras, no sertão piauiense
Família de mulheres guerreiras, no sertão piauiense

A pequenina cidade de São Raimundo Nonato, no sertão semiárido do Piauí, distante mais de 500 quilômetros da capital Teresina, é representante de um dos municípios mais afetados percentualmente pela pandemia da Covid-19 no interior nordestino.

O lugar abriga o importante Parque Nacional da Serra da Capivara, Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco, graças aos seus sítios com pinturas rupestres milenares. Com 28 casos positivos para Covid-19, a cidade se prepara para socorrer a população que necessita de atendimento médico. 

Recentemente uma UTI foi criada emergencialmente para tratamento exclusivo dos pacientes do novo coronavírus em toda à microrregião, no chamado Território da Serra da Capivara, que engloba cerca de 20 municípios, totalizando quase 200 mil habitantes. 

Com 10 leitos de UTI equipados para as complicações advindas da Covid-19, e 20 leitos clínicos disponíveis, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, um prédio imenso e bem estruturado, foi totalmente dedicado aos infectados pelo coronavírus. “Isso garante maior segurança para os profissionais da saúde que estão na linha de frente e da população que precisa de atendimento médico”, disse Nilvania Nascimento, diretora geral do Hospital Regional Senador Cândido Ferraz.

Mulheres na linha de frente 

Nesse cenário, uma família de São Raimundo Nonato vem se destacando pela beleza, amor, carinho, profissionalismo e dedicação ao combate da pandemia no sertão. Formada por quatro mulheres fortes, jovens e guerreiras, a família Rosário parece ter a área da saúde no sangue, no dia a dia. 

A matriarca, Luiza Amélia Teixeira de Castro Rosário (52) é enfermeira no Hospital Regional Senador Cândido Ferraz, a maior unidade médica do Sudeste piauiense. Sua filha, a bela e meiga Thaísa Loanne Teixeira de Castro Rosário (30), é assistente social e também trabalha no hospital Regional, lidando diretamente com os pacientes e seus dramas. Um trabalho de fôlego, coragem e muita experiência.

Luiza Amélia Teixeira de Castro Rosário (52), enfermeira e Thallyssa Davina Teixeira de Castro Rosário (23), farmacêutica

Thaísa Loanne Teixeira de Castro Rosário (30), assistente social

Já a doutora Tatielly Lourranny Teixeira de Castro Rosário (25), considerada em 2019 uma das mulheres mais bonitas do Piauí, é digital influencer e enfermeira por formação com várias especializações. Trabalha numa Unidade Básica de Saúde (UBS) do município e também presta serviços na UPA e, esporadicamente, no SAMU. Taty, como é mais conhecida, representou o Piauí no ano passado numa série de ensaios fotográficos em homenagem ao Dia do Piauí. Brava com os admiradores e amigos, fechada e com personalidade forte, ela representa muito bem a beleza feminina dessa família.

Tatielly Lourranny Teixeira de Castro Rosário (25), enfermeira

A mais jovem das meninas, Thallyssa Davina Teixeira de Castro Rosário (23), também seguiu a carreira da família na área médica e fez farmácia. Hoje, possui um estabelecimento comercial próprio e atende no local como farmacêutica. Tranquilamente poderia ser modelo, é daquelas mulheres que se diz: perfeitinha, com as formas físicas que lembram uma boneca.

Thallyssa Davina Teixeira de Castro Rosário (23), farmacêutica

Um quarteto de mulheres sertanejas decididas, fortes, determinadas a trabalhar dia e noite para ajudar à população, se dedicando nas últimas semanas quase que exclusivamente ao combate das complicações da Covid-19.

Um exemplo de família reta e de mulheres obstinadas que certamente serve de Norte nesses tempos de pandemia. Mas, invertendo o ditado popular que diz que por trás de uma grande mulher sempre existe um homem, está o patriarca dessas mulheres sensacionais, o professor Inocêncio de Castro Rosário (60), um mestre do ensino público, simples e dedicado a sua profissão, mesmo com as limitações médicas impostas pelo seu estado de saúde.

Da esquerda para direita: professor Maninho, Taty, Luiza, Thaísa, Thallyssa e o irmão Thalles.

Mas, um homem que tem em sua casa um batalhão de guerreiras da área médica, não deve temer nem precisar muito de atendimento médico, principalmente cercado de tantas mulheres agradáveis, prestativas e carinhosas.

Uma história simples, emocionante e verdadeira em pleno caos da pandemia. Como eu sempre disse nesses 27 anos trabalhando no sertão: o melhor do Piauí são os piauienses.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.