Anúncio
Teresina-PI

Prefeitura estuda retomada gradual das atividades econômicas em Teresina

A ideia é gerar um planejamento para uma eventual saída do atual estágio de isolamento social, com protocolos corretos para o retorno das atividades

23/04/2020 07h49
Por: Alírio Ribeiro
Fonte: cidadeverde.com
294
Fotos: Roberta Aline
Fotos: Roberta Aline

A Prefeitura de Teresina iniciou há duas semanas uma discussão com as entidades representativas de empresários, industriais e trabalhadores para planejar uma eventual retomada das atividades econômicas da cidade. Todas as medidas adotadas, segundo a prefeitura, levarão em conta as determinações da OMS (Organização Mundial da Saúde), de forma a garantir padrões mínimos de segurança para todos durante a pandemia do novo coronavírus.

O governador Wellington Dias (PT) anunciou nessa terça-feira (21) que vai criar um grupo de trabalho para que faça um estudo sobre a saída gradual da quarentena no Piauí. Wellington Dias afirmou que a liberação gradativa das atividades econômicas só ocorrerá após passar o pico da transmissão da doença no estado, previsto para o dia 15 de maio. 

“A ideia é gerar um planejamento para uma eventual saída do atual estágio de isolamento social, com protocolos corretos para o retorno das atividades. O processo exige o respeito a algumas condicionantes, baseadas nas regras gerais da OMS, na capacidade de atendimento do sistema hospitalar, especialmente UTIs, e na velocidade de disseminação do vírus para que possamos ter modelos de previsão mais acurados”, explicou o prefeito Firmino Fillho.

O planejamento vai levar em conta as pesquisas sanitárias que estão em andamento em Teresina, que incluem testes para a Covid-19.  

“O objetivo é conhecer a situação da pandemia na cidade, já que a testagem ainda é insuficiente e não há dados concretos sobre o número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus”, ressalta o professor Washington Bonfim, membro do Comitê Gestor de Medidas para Enfrentamento da Pandemia Coronavírus-COVID-19 da Prefeitura de Teresina.

A capital está em isolamento social desde o dia 23 de março estabelecido através de decreto. O prefeito chegou publicar uma medida liberando alguns setores como lojas de autopeças e de materiais de construção, mas voltou atrás depois do aumento da circulação de pessoas.

Valmir Macêdo (Com informações da PMT)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.