Coronavirus
Convite p/ Carnaval

Cassada pela Justiça e na iminência do julgamento no TRE, prefeita convida populares para o carnaval

Carmelita Castro disse que está “tranquila, muito tranquila, mas preocupada"

21/02/2020 20h39
Por: Alírio Ribeiro
Fonte: Portal AZ/André Pessoa
499
Cassada pela Justiça e na iminência do julgamento no TRE, prefeita convida populares para o carnaval (Foto: reprodução internet)
Cassada pela Justiça e na iminência do julgamento no TRE, prefeita convida populares para o carnaval (Foto: reprodução internet)

Cassada pela Justiça Eleitoral em setembro do ano passado e na iminência do julgamento de um recurso no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que pode manter ou não a decisão do seu afastamento, a prefeita do município de São Raimundo Nonato, Carmelita Castro (PP), enfrenta um momento tenso e decisivo na sua vida política. Em entrevista na Rádio Cultura FM da cidade, ela disse: "Estou tranquila, muito tranquila, mas preocupada”.

Depois de falar sobre o carnaval 2020 Carmelita Castro foi indagada pelo radialista Gercílio Magalhães, em relação ao julgamento do processo no próximo dia 3 de março e como ela espera a decisão. "Com muita tranquilidade, eu sempre falo. A questão jurídica mesmo, minhas advogadas que são todas mulheres estão cuidando do processo e eu estou tranquila. Preocupada? Sim, estou preocupada sim, quem é que é acusada e não se preocupa", garantiu ela, aparentando nervosismo.

 
"Eu fui acusada de uma coisa que... sabe... eu volto a dizer, não tem uma parte do processo que as pessoas que foram gravadas por umas pessoas que foram se passar de funcionários, só em eles terem ido dizendo que eram funcionários da defesa civil isso aí já é um crime, né? Um advogado e um candidato derrotado de vereador se passando por um funcionário da defesa civil, aí já é um crime", (sic), disse Carmelita na rádio. A prefeita continuou: "E aí me acusando, mesmo assim, nenhuma das gravações tem dizendo assim: eu tive contato com a Carmelita, ele esteve aqui, ela me deu isso e me prometeu isso. Nenhum", garantiu.

Carmelita Castro foi além e afirmou: "Então eu estou tranquila e quero aqui tranquilizar a população de São Raimundo Nonato, pois estão fazendo o maior terrorismo Gercílio, todo dia marcam data da minha cassação, já citam nomes de votos que tem contra a Carmelita. Então, assim, minha gente, a Justiça do Piauí ainda tem homens sérios, eu acredito na Justiça do meu estado. Se for fazer o meu julgamento pelo processo, ai é que a minha tranquilidade aumenta".

A prefeita chegou a afirmar várias vezes que estão fazendo terrorismo, "e não é comigo não, é como o povo. Chega! Então todo dia é uma coisa, ou uma pessoa vai num salão de beleza, outros vão no comércio, vão no mercadinho e só dizendo: olha, amanhã ela vai ser cassada, olhe não venda mais para a Prefeitura não que terça-feira ela vai ser cassada, então é um terrorismo que estão fazendo com São Raimundo Nonato, não é só comigo não!"

Perguntada sobre o que mais lhe preocupa no julgamento no TRE ela disse: “Não. Não tem nada que me preocupe lá, nada. Absolutamente nada. Não é a Carmelita que está inventando não, entendeu? Como eu posso ser condenada por um crime que outros cometeram? O relato das pessoas é que eles estavam se passando por funcionários da defesa civil. Eles não são funcionários. Como é que você vai ser condenado por um crime que outro cometeu? Por que o crime quem cometeu foram aqueles dois que foram numa mentira provocando a população para dizer algo contra mim. Então, assim, volto a lhe dizer: tranquila, tranquila mesmo", disse aos ouvintes.

Questionada se a mudança de advogado foi uma estratégia da defesa para adiar o julgamento marcado para o último dia 18 de fevereiro, ela disse que foi uma mudança natural dentro do processo. “Naturalmente dentro do processo, o processo vai tendo todas as suas etapas naturalmente, minha defesa continua a mesma, só aumentamos os advogados, a Margarete (Margarete Coelho, deputada federal e irmã da prefeita), não se habilitou ao processo, mas ela também está dando ajuda às nossas advogadas".

Questionada sobre a presença do desembargador Paes Landim à frente do TRE, Carmelita Castro afirmou: "Sem problema algum. Lá, ele não está como o irmão do deputado Paes Landim, ele está lá como Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Piauí. Ele não está lá como o irmão do deputado. Ele não está lá como amigo, ele está lá como desembargador e presidente, um cargo que muito honra ele e qualquer pessoa que estivesse no lugar dele. Então, isso não me preocupa de jeito nenhum, minha tranquilidade, não mexe com a minha tranquilidade, de jeito nenhum. Eu quero aqui é, sempre, tranquilizar a população de São Raimundo Nonato, pois a população sabe que eu sou totalmente inocente desse crime, dessa calunia que foram feita comigo" (sic).

Para finalizar ela disse: "Acusaram a Carmelita e foi aceita a acusação? Saio de cabeça erguida, da mesma maneira que eu entrei, pela porta da frente". Apesar de todo o nervosismo demonstrado na entrevista, a prefeita terminou a conversa convidando o povo para as festas de carnaval. “Vamos falar de alegria, de coisa boa. Volto aqui a convidar todo mundo para fazer parte do carnaval, dia 21, sexta-feira, às 19h no Abrigo para gente pular, dançar, comemorar que é o que nos temos muito é o que comemorar, São Raimundo tem muito o que comemorar".

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.