Agencia Webmais 01
Agencia Webmais 3
Agencia Webmais 4
Agencia Webmais 2
Protecionismo

Grupo comandado por Margarete Coelho toma decisões que protegem facções criminosas

A informação foi publicada pelo Jornalista piauiense Feitosa Costa no Portal Carta Piauí

19/09/2019 09h45
Por: Alírio Ribeiro
Fonte: Feitosa Costa /Carta Piauí
305

O grupo de trabalho da Câmara dos Deputados Federais que estuda mudanças na legislação penal e processual penal, sob o comando de Margarete Coelho (PP-PI), do Centrão, rejeitou ontem (18) várias medidas importantes propostas por Sergio Moro para combater as facções.

Os asquerosos trechos da decisão vão de encontro à vontade da maioria esmagadora da população e enterram as principais iniciativas de combate à criminalidade do projeto anticrime proposto pelo Ministro da Justiça e Segurança Pública do governo.

Para se ter uma ideia do retrocesso, entre outras questionáveis alterações, presos ligados a facções nas penitenciárias não terão as penas aumentadas, como previa a proposta de Sergio Moro. 

O grupo liderado por Margarete Coelho derrubou também a possibilidade de gravar as conversas de advogados com advogados, por autorização da Justiça.

Pior ainda, impede a instalação de câmeras em locais públicos, para investigar uma suspeita, sem autorização judicial. Uma conversa gravada sem crivo do juiz não poderá ser usada para acusar alguém, só para defender.

O crime organizado agradece. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.