Sábado, 25 de Setembro de 2021
Dólar
R$ 5,33
Euro
R$ 6,25
Peso Arg.
R$ 0,05
Brasil Gasolina

Com gasolina a R$7, internautas resgatam vídeo de Eduardo Bolsonaro criticando preço do combustível em 2016

Internautas regastaram um vídeo do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) de 2016 em que ele critica o preço da gasolina, à época em torno de R$2,50.

30/08/2021 às 20h52
Por: Alírio Ribeiro Fonte: O Globo
Compartilhe:
Internautas resgatam vídeo de Eduardo Bolsonaro criticando preço do combustível em 2016
Internautas resgatam vídeo de Eduardo Bolsonaro criticando preço do combustível em 2016

Internautas regastaram um vídeo do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) de 2016 em que ele critica o preço da gasolina, à época em torno de R$2,50. Nas imagens, o filho do presidente aparece num posto nos Estados Unidos criticando o governo brasileiro.

— Agora você está pagando o preço da Lava-Jato, lá da corrupção do pessoal que desviou da Petrobras. Porque antigamente quando subia o preço da gasolina o que eles falavam? Que era o mercado internacional — diz Eduardo. 

Com o preço do litro do combustível custando cerca de R$ 7 em diversos estados do país, internautas regastaram o vídeo do deputado e prints de postagens antigas em que Eduardo criticava a política de preços da Petrobras. 

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP), ex-aliado do bolsonarismo, compartilhou uma publicação de Eduardo, de maio de 2018, meses antes da eleição presidencial que elegeu Jair Bolsonaro (sem partido). 

 O senador Humberto Costa (PT-PE) repostou o vídeo do filho do presidente e escreveu: "Alguém pode avisar ao deputado que o litro já está custando R$7? Ele precisa atualizar o vídeo".

 

 Aliados do presidente, e os próprios filhos, rebatem as críticas sobre o preço da gasolina culpando a cobrança de ICMS pelos governadores. O imposto estadual incide sobre o preço do combustível, no entanto, economistas argumentam que o que mais pesou nos últimos meses para a disparada na bomba foram os reajustes feitos pela Petrobras.

O ICMS não aumentou, é o mesmo percentual cobrado antes, o que aumentou mesmo foi o preço da gasolina.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.